Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MãeTástica

Tenho 2 filhos com 1 ano de diferença entre eles. Sou mãe, dona de casa e neste cantinho conto as peripécias reais de uma família normal. Entrem comigo nesta aventura

MãeTástica

Tenho 2 filhos com 1 ano de diferença entre eles. Sou mãe, dona de casa e neste cantinho conto as peripécias reais de uma família normal. Entrem comigo nesta aventura

Quase bilingue.


Eu a pensar que só cá em casa é que andavamos numa de dizer as coisas em Inglês pra ver se os moços não percebiam o que diziamos...ao ler uns blogs que sigo, descobri que não sou só eu que falo em código. Podem ver o texto de que falo aqui.

O meu filho anda muito interesssado na lingua dos filmes..tanto que gosta de ver o Tayo e os Buzzbees e pergunta sempre o que eles dizem. Já sabe cores e alguns animais e some random words.

Fui eu toda catita as compras e pensei que, para depois do jantar, quando tivessemos afundados no sofá depois de um dia de trabalho a ver séries e filmes, ia saber bem um geladinho. Comprei uma caixinha e quando cheguei a casa disse ao marido:

- I have icecream pra logo á noite! (Sim, misturo as duas linguas quando não é necessário falar em codigo a 100%). O marido sorriu e eu fui arrumar as compras.

Vem logo o rapazinho com os olhos a brilhar a dizer - Que bom, vamos comer gelado?

Acho que vou ter de aprender alemão, qualquer dia o Inglês não funciona para enganar os meus quase bilingues!

Disciplina: Mãe


É difícil ser mãe, não há os tais livros de instruções, há umas dicas aqui e ali mas cada bebé é diferente.  Acho que alguém devia de ensinar nas escolas além de educação sexual, algo relacionado com bebés e maternidade ou os cuidados a ter com crianças sei lá. Os requesitos para ensinar era.. ser mãe. Nada melhor que experiências reais tais como controlar feras pequenas e tentar contornar birras ou doidois.  Ensinar que no primeiro banho não se mete gel com espuma e não se aperta a esponja e vem quilos de espuma, em que o miúdo quando sai do banho parece o Pai Natal. (Erro de principiante) Cada dia é diferente e as vezes fico sem saber o que fazer. Preciso de umas luzes para conseguir educar estes seres para virem a ser boas pessoas e com valores. Não quero estar a criar reizinhos e adultos maus como se vêm tanto aí. Quero que sejam felizes e que lutem pelas coisas que querem, que respeitem o próximo.   Desde recém nascidos que notei diferenças nos dois. Ele usou chucha, ela não. Ele teve imensas colicas, eu segui todas as dicas e nada aliviava, ela não. Ele era chorão, ela era mais. Começaram a dormir a noite toda pelos 2 meses e meio 3 meses.Ele é calmo, gosta de estar no seu canto, ela é um furacão e odeia estar sozinha. É uma peganhenta só visto. Ele adora miminhos. Ela tem sempre a resposta na ponta da lingua, ele é mais molinho e tá sempre cansado. Pra andar, pra comer, pra montar Legos. Há coisas que não sei como reagir, não sei se estou a fazer bem mas e a única forma que sei. 

Ontem aconteceu uma situação que bloqueei completamente, fiquei sem saber como reagir, magoou-me o coração. Fiquei parada 5 segundos a olhar para ele e ele para mim, e retirei-me. Não disse uma palavra. Fui pra cozinha chorar. Respirar fundo e pensar em como resolver a situação. Pensei. Recompoe-te mulher, tens que dar o exemplo.

Bem. Estava a escrever unicórnio no livro da Tidi, ela pediu as letras do unicórnio. E o Rodrigo estava a nossa frente.

Ele comecou a copiar as letras ao contrário, como estava no campo de visão dele. Eu vi e disse calmamente, olha filho, isso assim é ao contrário. (Ele ficou chateado, odeia falhar) mas eu tava a tentar ensinar que não era preciso ele ficar assim chateado, é normal porque ele não sabia mas expliquei que se ele visse de frente as letras podia ver melhor, pra vir para o meu lado e ver as letras direitas. Foi ver e como estava frustrado porque se tinha enganado pegou no lápis e mandou pra cima da mesa com força interrompendo-me e gritou Cala-te! 

Fiquei em sentido, magoada e retirei-me como disse.

Recompus-me do choque e fiquei até feliz pela minha atitude, acho que gritar com ele naquele momento ia incitar a discussão e choro e eu era capaz de perder mesmo a paciência pela má educaçao. Como ficamos aqueles 5 segundos a olhar um para o outro eu acho que ele percebeu bem que fiquei magoada. 

O que faço nesta altura?. Pensava eu.

Como é que vou dar o exemplo em conseguir explicar que aquela atitude é feia? Não posso dar parte fraca, tenho que ser mãe agora a sério e não sei como reagir. Instruções please.... Fiquei sozinha a pensar. Uns minutos depois vem ele e eu digo-lhe.

Estou chateada com o que fizeste. Ele desata a chorar e a pedir desculpa.

Pedi-lhe para me explicar porque é que estava a chorar. Percebeu que não se grita assim, nem se manda calar assim uma pessoa. Pedi-lhe pra ele ir pelo seu próprio pe para o cantinho dos 4 minutos, pensar no que tinha feito de mal e se acha que foi uma boa atitude. Veio-me pedir desculpa depois. E percebeu que tem que controlar a raiva porque está a aprender e não sabe tudo. Demos muitos beijinhos, ficamos bem e ele compreendeu que eu não gostei da atitude de mau.

Não sei se fiz bem, não tenho instruções, sera que reagi da melhor forma?. Tô cheia de dúvidas. Devia mesmo de haver uma linha de apoio a mães com duvidas. Uma disciplina No minimo.

Entretanto vem a moça e ao beber o iogurte deixou cair umas pingas com a palhinha. Dei-lhe um paninho pra ir limpar as pingas que deixou cair.

IMG_20180417_175412.jpg

Só vou perceber se eduquei bem, quando eles tiverem 20 anos e isto der frutos de pessoas responsáveis e bem educadas.. estou a torcer pra não estar a fazer nenhuma asneiras daquelas. Ele como consequência foi ontem para a cor laranja e não vai ganhar o livro dos desportos no fim  da semana. 

Isto acontece com vocês? Ás vezes complica

Tag: Primavera


Primavera? Já chegou? 

Por acaso hoje o dia está primaveril mas ainda não me sinto no modo primavera nem perto. Pode ser por ser Abril e ainda chove muito nesta altura. Em Maio entro no espírito.

CM pediu pra eu responder a esta Tag.  Gosto do blog dela, simples, directo, divertido e com as situações do dia a dia. Demorei alguns dias por falta de tempo, mas aqui está.

 Bora lá responder a uma tag de uma coisa que tá a demorar pra chegar em força.

 

0.jpeg

 

........................................................................

Qual é a tua cor preferida da Primavera?

........................................................................

 Gosto de rosa, tons mais pastel. Mas durante o ano todo. Viro-me mais para os claros e calmos do que os escuros. Em casa gosto de coisas mais pastel e claras, e na roupa vou pelos cinzas e escuros curiosamente. Mas as cores da Primavera para mim são aqueles amarelinhos das flores que começam a aparecer.

.........................................................................

E como com ela chegam os intensos raios de sol, os óculos escuros vêm a calhar. Qual é o teu modelo preferido?

.........................................................................

Óculos de sol. Pois bem.... Eu tenho a cara pequena e olheiras de panda e acho que os óculos me ficam todos mal. Acho.. se calhar ha por aí algum modelo que me fique a matar mas não conheço. 

Uso uns grandes que me escondem as olheiras enormes mas sei que não são os mais adequados ao meu tipo de cara. 

O mais engraçado é que uso os óculos e fico sempre com dores de cabeça. E quando tiro os óculos da cara sinto que tive a perder uma minutos do dia lindo que está porque tava a ver tudo mais escuro. Ahahah. Evito usar esse acessório, e normalmente fica mais tempo a segurar  o cabelo do que a proteger os olhos. Adoro dias claros e sol e vitamina D. 

 

..........................................................................

O que mais gostas de fazer nesta estação?

..........................................................................

Para começar, quando começam os dias bons a sério gosto de organizar a minha limpeza da casa, aquelas mesmo a sério. Com música alta, janelas todas abertas, panos e paninhos e escovas, a casa fica toda limpinha. Aproveito para dar volta a tudo o que tenho e destralhar o máximo possivel. E gosto mesmo de limpar tudo a fundo, mudar decorações e dar um ar mais fresco a casinha.

Gosto de passar mais tempo a passear, aproveitamos para ir mais ao parque, jogamos a bola, fazemos coleções de pedrinhas e pauzinhos da rua.

 

........................................................................

Um perfume cujo aroma te lembre esta altura

........................................................................

Sou uma naba com nomes e cheiros de perfumes, o único cheiro que identifico em perfumes é o light blue da Dolce e Gabbana. Gosto de alguns mas não uso nenhum. Isso e maquilhagem é mesmo o meu ponto fraco.

Mas gosto do cheirinho de relva acabada de cortar. Não precisa de ser necessariamente na primavera, mas quando sinto esse cheiro faz sempre lembrar flores e sol.

 

Percebi que é para passar a batata quente a alguém.. cá vai..

Convido a Eu, a Sofia Black, a gatodeloiça e a Carta a responderem a estas perguntinhas.  É tudo boa gente e eu gosto de acompanhar os blogs e assim ficamos a conhecer mais. Se já responderam... Sorry.

Quem se sentir convidado a responder está a vondadinha, usem a imagem no topo e colocar a tag da primavera.

 

E boa primavera, espero que chegue rápido.

 

 

 

De(Corações)


Esta semana não ando tanto por aqui porque tivemos um arranque meio difícil. O Rodrigo na segunda feira estava ansioso por ir para a escola e voltar a ver a amigos e a shôshôra, tão ansioso que no Domingo escolheu a roupa e preparou o bibe pra se vestir de manhã. Segunda de manhã estava estranho mas na azáfama da manhã pra por uma roupa decente na piolha com pilhas, dar de comer ao pessoal e por tudo a andar pra ir levar o Rodrigo a escola, não liguei ao esmorecido e ele lá foi. Gostou de ver a educadora e a auxiliar e os amigos. Veio dar-me um beijinho de despedida e foi embora.

Pela hora de almoco liguei pra escola, fiquei a pensar que ele não estaria no seu melhor e ia só perguntar se ele estava bem. A senhora garantiu-me que estava tudo bem.

20 minutos depois liga-me a pedir pra o ir buscar a escola. "Ele está a queixar-se da barriga e quer a mãe." 

Cheguei, ele deu-me um abraço e disse. "Eu tiver saudades tuas e da nossa casa.(eu sei, o "tiver" precisa de ser melhorado)

Percebi que não eram dores de barriga, eram saudades.

Viemos para casa e fizemos corações.

Um rolo de papel higiénico dobrado em coração e tinta, o rolo serve como carimbo.

IMG_20180407_153304.jpg

 Dá pra perceber a diferença de quem fez o quê. O Sr. Perfeccionista e a Sra. Destrambelhada. 

Deixei secar, cortei aos corações.

 Decorei o meu quarto com os coracões deles. 

IMG_20180411_173414.jpg

 

Aventuras na cozinha


 

Não sou expert em cozinha. Gosto de cozinhar, adoro comer e como faço comida cá em casa, as vezes posso partilhar ideias. Não seguimos nenhuma dieta, nem refeições XPTO. É o que houver no frigorifico e bora lá inventar. Pois bem, fiz hoje um almoço tão bom que me apeteceu partilhar. Porque pode não acontecer outra vez 😀

"Empadão de arroz com frango e legumes"

Cortei 2 peitos de frango aos bocadinhos. Temperei com sal, pimenta, pimentão doce e coentros secos. Meti um bocadinho de azeite.

Deixei a ganhar tempero. Cortei alho francês as rodelas finas, ralei uma cenoura e uma cougette, pus milho de lata e umas ervilhas, pimentos aos cubinhos e feijão verde. Piquei ainda salsa e coentros. Não pus cebola, como acontece algumas vezes a cozinheiras como eu, esqueci- de comprar. 

Começo a fazer o arroz. Fiz arroz de tomate fingido com ervilhas (foi só polpa de tomate). E passo para o meu franguinho.

Meto na frigideira uma colherzinha de azeite os legumes e o frango, acerto o tempero com sal e pimenta. Não me preocupo muito com o frango, é para dar uma cor porque ainda vai ao forno. Fica assim.

IMG_20180411_123754.jpg

 

O arroz acaba de fazer e montamos numa travessa uma camada de arroz, a nossa mixordia e arroz outra vez. Levamos 10 minutinhos ao forno só pra tostar por cima e voilá.

IMG_20180411_132843.jpg

 Ficou óptimo, nunca pensei. Vai ser um dos favoritos.

E sabem como eu tenho a certeza que ficou bom?? A Matilde comeu sem fitas e colheres cheias!

 

Pág. 1/2