Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MãeTástica

Tenho 2 filhos com 1 ano de diferença entre eles. Sou mãe, dona de casa e neste cantinho conto as peripécias reais de uma família normal. Entrem comigo nesta aventura

MãeTástica

Tenho 2 filhos com 1 ano de diferença entre eles. Sou mãe, dona de casa e neste cantinho conto as peripécias reais de uma família normal. Entrem comigo nesta aventura

Férias: Fora da cidade e sem Internet


 

20180912_225700_0001.png

 

Uma semana antes: Fiz uma lista de tudo o que queria fazer, onde ir e os dias que dava para encaixar viagens grandes.

Os planos eram:

Parque dos Dinossauros, parques infantis novos em Lisboa sem ser sempre o da nossa área de residência, museus, praia, ir andar de elétrico e outros lugares para visitar que eles nunca tivessem ido. Tudo numa folha colada no frigorífico para irmos orientando as tão esperadas férias.

Primeiro fomos ao Parque na Serafina. Lugar muito giro, grande, com 2 parques infantis, espaços verdes. Levei o lanche e fomos dar uma volta. 

O tempo estava ameno mas quando chegamos estava muito calor e não aproveitámos muito, eles diziam que estavam a derreter.

Mesmo assim demos a volta ao parque todo, lanchámos e corremos.

Eu sou a fotógrafa de serviço (e muito fraquinha) por isso ainda tirei umas fotos para ficar de recordação.

photostudio_1536785639866.jpg

  O dia seguinte era para irmos á Quintinha ver os animais mas não ficou assim tão bom tempo então pus-me a navegar e a sonhar com umas férias fora de casa. Em conversa com o marido vimos que podíamos ir 3 diazinhos para um lugar baratinho com eles.

Fizemos a reserva na hora, e ficámos a vegetar em casa o resto dos dias até chegar a hora das benditas férias. Super entusiasmada com tudo, fiz logo uma lista de coisas a não esquecer.

Como o alojamento ficava na terra da minha família, ainda ficámos mais entusiasmados porque estávamos perto da família mas ao mesmo tempo de férias numa casa diferente.

photostudio_1536785875768.jpg

 Ora aqui vou contar mais um bocadinho.

Organizei a comida e a roupa para levar. Tudo ao pormenor para não levar nada a mais nem a menos.

Chegámos segunda feira á terra. Fomos dar um beijinho as tias e primos que lá moram e na hora do check in fomos pras nossas primeiras férias. 

Casinha com um quarto, uma cozinha e sala pequeninas e uma casa de banho. Na parte de fora tinha um terraço giro com uma mesinha. Instalei o pessoal, arrumei a roupa e a comida, apreciámos a vista, o ar puro, o silêncio e fomos dar uns "magulhos" na piscina.. 

Depois banho e jantar. Previsão do tempo para o dia seguinte...chuva! (A sério? Não chove o mês inteiro e nos dias de férias chove?) Não desanimando, amanhã era outro dia. Como o céu estava sem nuvens, fomos pró terraço ás 23h, tudo escuro. Os 4 deitádos no chão a ver as estrelas. E foi um dos momentos altos. Juntos, os 4, deitados no chão a ouvir os grilos, e a olhar pras estrelas e a contar histórias. Adorei cada minuto, e eles também. Nem sabia que havia tantas estrelas😂. Como poderiam dar mau tempo com o céu tao limpo?

De manhã acordámos com o tempo meio encoberto, tomámos o pequeno almoço e como não era bom ir para a piscina com o tempo tão feio fomos dar uma volta pela Vila. Afinal eu conheço aquilo duma ponta á outra e é só família. Fomos ao parque, fomos visitar o cavalo da minha prima, fomos ver ovelhas, andámos a entrar em todas as casas e casinhas a dizer bom dia. Fomos de novo á casa da minha tia, ainda trouxemos pepinos para uma saladinha e pão para o almoço. Voltámos para a "nossa" casa, comemos no terraço, fizemos um piquenique ao som da natureza. Fizemos corridas de carros e jogámos a bola, ainda demos um saltinho á piscina porque entretanto o sol apareceu. 

Fomos jantar, depois de jantar fomos beber um cafezinho á noite e arrumar as coisas nas malas para no dia seguinte irmos embora.

Eles dormiram na cama de casal, no quartinho. Eu deitei-os e fiquei a dar miminhos até adormecerem. Miminhos curtos, demoraram 6 minutos a adormecer ferrados. O ar do campo faz bem e eu adoro.

Dia seguinte, tomar o pequeno almoço, arrumar as tralhas, limpar a casinha, entregar a chave e vir embora! Viemos embora da casa mas ainda passámos o dia em família, um almoço, uma ida ao parque, histórias da tia Matilde, brincadeiras com o avô. Chegámos as casa eram umas 18h. 

Tive 3 dias de férias fantásticos, divertidos, sem telemóvel, sem internet, desliguei-me do mundo e conectei-me com a natureza, com o marido e com os filhos. Soube bem, soube a férias, eles divertiram-se, eu andei de baloiço, o marido adorou. E vieram para casa sem medo de formigas.

Todos os dias me pedem para repetir, para voltar. Quando for grande vou viver para lá e descansar até ser velhinha.

Soube bem, foi uma lufada de ar fresco, revigorante, impagável ver o sorriso deles, o cansaço, brincarem na rua livres sem preocupações. Soube a pouco. Sou feliz, mas ali eu sou mais feliz.

 

 

 

Festas de aniversário temáticas para crianças



Quem me conhece sabe que nem sequer costumo celebrar o meu aniversário, ele vem aí mas é só mais um. Porém gosto tanto de celebrar o aniversário dos meus cutxis que já estou a pensar em qual vai ser o tema da festa de aniversário deles. Como fazem anos com 12 dias de diferença, faço uma festa e dá para os dois. Até porque o Rodrigo faz anos no dia 25 de Dezembro... Assim celebramos o Natal e depois quando a Matilde faz o aniversário dela, juntamos os dois e tento fazer uma festa com um tema agradável para menino e menina.

Para além de achar que as festas infantis temáticas são muito mais engraçadas, escolher um tema também ajuda a escolher todos os elementos da festa, como por exemplo:

Convites
Se o tema é uma festa aquática, porque é que o convite vai falar em princesas? Porque é que o convite para uma festa texana tem uma fada? Para mim, não faz sentido comprar ou enviar os convites antes de ter decidido o tema da festa. Gosto que o convite lance logo o mote aos convidados: assim já vêm com o espírito certo e vestidos a rigor!

Decoração
Sem dúvida que a parte mais difícil de preparar uma festa infantil temática é a decoração. Mas também é a mais satisfatória, quando somos bem-sucedidas! Ou seja, se escolherem o tema “animais” ou “selva”, toda a decoração deve seguir esse mesmo tema. Como estou a preparar uma festa para o meu filho e para a minha filha, estou à procura de um tema desse género: a floresta, o fundo do mar, os animais. Algo misto. Quero construir um verdadeiro habitat cá em casa, com stickers na parede, fitinhas a rigor e o que mais for preciso!

Catering
Por fim, o catering. Apesar de algumas pessoas servirem sempre a mesma comida em qualquer festa, eu gosto de combinar o catering com a decoração. Podem personalizar a forma das bolachas, a forma como dispõem as sandes e até o menu. Mas o mais importante, claro, é o bolo! Adoro os bolos coloridos e com desenhos, e os meus filhos ainda adoram mais. Para quem é fã como nós, recomendo aqui alguns serviços de catering de festas no Porto. Vá lá… é só uma vez por ano, não afecta a dieta :)

 

Quem diz no Porto, diz em Lisboa, em todo o país. Espreitam o site porque tem muitas mais ofertas sem ser catering e ajuda para festas temáticas. 

 

Post escrito em parceria com a Fixando.

 

Hoje não lavo a loiça


Nao, não é uma birra. Quando era pequena dizia "quando for grande, na minha casa só vai haver copos, pratos e talheres de plástico"  a minha mãe achava graça mas mandava-me lavar a loiça na mesma. E eu tenho um ódio de estimação por essa linda tarefa doméstica. 

Moro na terra da água, na vila das aguadeiras e das lavadeiras. Uma vila abundante em água boa, em fontes, que maravilha. Só que não...

Procrastinei o dia todo, andei a adiar a montanha de loiça que tinha para lavar.Porque eu ODEIO lavar a loiça (só para ficar bem esclarecido)

-Lavo antes de jantar. 20 minutos e tenho a cozinha arrumada, não custa nada. ( É algo que digo durante o dia pra ver se depois não dói tanto) 😂

Só que não (de novo)

Respirei fundo, meti o avental e música, contei até 3 e disse em voz alta "Bora lá, não custa nada"

 Abri a torneira e a água saiu devagarinho, muito devagarinho e puff, foi-se. Outra vez um corte de água até á meia-noite. Yuuupi não yupiii.

Ora bolas, agora que eu ia lavar a loiça do dia todo. Que pena.

1536607595122-60577525.jpg

 (É uma vergonha eu sei... Acontece aos melhores ahah)

Parte má da coisa: Não me preveni e os dois garrafões que tenho sempre cheios de água estão vazios. 

Parte boa: Tenho pratos e talheres suficientes para usar no jantar e fiz um almoço grande que sobrou para comer agora. 

Vou jantar e beber sumo. E não lavo a loiça.

(Nem quero pensar na montanha que tenho que lavar amanhã)

Estou a pensar seriamente numa ajudante máquina da loiça cá para casa lá pelo Natal. Se calhar deixo de lavar até lá, era uma alegria para mim uma greve desse tipo, só que depois não tinha onde comer.

Alguém como eu? Ou dicas para a tarefa não ser sempre um pesadelo? Aceito sugestões para quando houver água nesta terra da (falta de) água.

 

Mães, vamos organizar o nosso regresso às aulas?


E cheguei finalmente. Vim para ficar. Vem aí o mês que mais gosto. Setembro.

O mês do meu aniversário.

O mês do regresso ás aulas. Ahhhh o regresso ás aulas!

O mês em que vais ao supermercado e inevitavelmente olhamos para cadernos, caderninhos, mochilas, lápis de todas as cores, cartolinas, tesouras, colas, canetas giras, post its, estojos... (Morava dentro dum supermercado nesta época na booaa.)

Adoro Setembro.

Aquele mês que a agenda se enche de compromissos, reuniões, To-Do's. Ora vamos por tópicos.

 

 

• Agenda

Ser uma mãe que está em casa, tenho que cuidar da casa dos filhos do marido das porquinhas, dos eventos, listas de compras, menus semanais, organizar roupas, regresso às aulas, actividades etc. 

E não me venham dizer que "Ah! Ser dona de casa nesta altura não é difícil" ...grrrr É sim e quem diz o contrário, desafio-o a vir cuidar da minha casa e da minha família como eu, com o meu padrão de organização e limpeza e amor. Toma!

Sou muito perfeccionista e é só porque tento manter tudo organizado ao mesmo tempo, mas para mim é algo super natural, já utilizo este método há alguns anos, e mesmo tendo falhas, funciona bem. 

Uso e tenho usado muito e sempre, agendas e caderninhos de apontamentos, inevitavelmente, a minha mala tinha sempre um caderno de apontamentos e gatafunhos, a agenda propriamente dita e mais um bloquinho de notas para qualquer urgência que queria depois escrever na agenda numa certa data. Como picuinhas que sou, andava sempre a escrever e a passar informação entre bloquinhos. ACABOU

Agora tenho apenas um caderno, onde escrevo tudo. É como um jornal, uma agenda onde eu faço e escrevo ao meu próprio ritmo, onde meto desde o que tenho que fazer no próprio dia, como receitas que já experimentei e não quero esquecer, listas de materiais, ideias para prendas de Natal ( sim, já ando a organizar essa parte).

É um Bullet Journal. E tenho tudo o que preciso no mesmo sítio, e não ando com 3 cadernos atrás de mim.

 

 Material

Ainda não compraram o material?

Se o vosso rebento vai pra escola pela primeira vez, para uma nova escola, para uma etapa nova (pré, 1°classe, 5°ano) é compreensível que não saibam bem o que comprar, que andem meio perdidos com as listas e com o que eles precisam. É desculpável que não tenham ainda passado pelos corredores do mundo encantado do regresso ás aulas. Mas...

Se têm uma noção básica do que eles precisam, nem que tenham a certeza só dos básicos como, lápis, canetas, mochila, cadernos ou dossier.. vão comprar JÁ. Não esperem pelo último dia, pela última semana, temos mais 1 semana e meia até começar, já deviam ter levantado esse rabiosque e estar a entrar na superfície comercial mais perto de vocês.

 

•Mochila

A escolha da mochila é uma dor de cabeça. Bonequinhos, risquinhos, bolinhas, o melhor super heróis da actualidade, a cor favorita... Não nos podemos esquecer que é um dos objectos mais importantes pois os moçoilos e as moçoilas vão carregar o peso sozinhos.

Aconselho a não escolherem as mochilas por impulso, que pensem bem na função que ela vai ter. Querem uma mala á tira colo? Uma mochila básica? Acolchoada ou não? As mochilas variam muito de preço, entre os 2€ e os 30/40€. Acho importante mesmo ver o que melhor se adapta ao corpo e ao peso da criança.  As minhas preferidas são as normais, alças ajustáveis e a partir daí posso deixá-los escolher o desenho ou bonequinho

 Para escolherem  e saberem mais sobre os vários tipos de mochilas espreitam este artigo sobre os tipos de mochilas e benefícios aqui 

 

Artigos de marca conhecida ou marca branca?

Depende do ponto de vista, da carteira de cada um e do bom senso. Um lápis de carvão n°2 é um lápis de carvão n°2. Seja 0,20€ seja 1.20€. Existem marcas brancas de boa qualidade que cumprem a sua função de qualidade/preço. Mas há escolas que já pedem -canetas de cor da marca X- e sabemos que se por acaso não for daquela marca ou de uma parecida provavelmente não irá ter a mesma durabilidade. Todos nós já compramos uns lápis nos chineses que não pintam e são os desprezados no meio da caixa dos lápis porque ninguém lhes toca. Eu aposto na marca branca mas dependendo dos produtos que tenho que comprar. 

Uma resma de papel...é papel.

 

Saldos e promoções

Apanhem e desfrutem das promoções no material escolar. Nos 50%, nos packs, nas embalagens económicas. Se formos a ver, a meio do ano já vai haver coisas estragadas inevitavelmente. Há crianças mais cuidadosas que outras e não estou a dizer pra comprarem a loja toda, mas em vez de comprarem 1 lápis, comprem já uns 3, ou uma caixinha que já trás alguns lápis a mais para acidentes que possam haver durante o ano.

 

• Roupa

Quem fala de roupa inclui também o calçado. Falo pela minha experiência, novo ano é sinónimo de novas botas da chuva, ténis, calças. Nesta idade eles crescem bem rápido e o calçado já não serve, o casaco ja fica curto nas mangas, as calças estão rotas no joelho.

-Esta semana é uma boa ideia para fazerem a escolha da roupa dos vossos rebentos, o ideal teria sido antes, em Julho-Agosto, para aproveitar os saldos claro. Mas mesmo agora, vão dar "uma volta na roupa", vejam o que serve e não serve. Façam uma lista do que precisam e mantenham-se firmes a essa lista. 

Já agora, doem o que não serve. Guardem pró irmão mais novo, para o primo, para aquele filho da amiga/da vizinha, doem á igreja da vossa região, ou metam no contentor destinado á roupa. Em último caso, metam direitinho ao lado do vosso contentor, alguém vai passar e precisar.

 

Horários e Rotinas

A minha parte mais importante, seja em que idade for. Usem um bocado do vosso frigorífico, uma parede da vossa casa, o que for. Colem o horário da vossa família, organizem uma estação de informação, nada muito chique, nada caro. Precisam de uma cartolina ou uma folha branca e alguns minutos no Pinterest a procurar e a ter ideias para o vosso cantinho. O meu está a ser remodelado, uma cartolina perto do frigorífico. Quando tiver tudo pronto eu mostro. 

 

• Paciência

Muuuuita paciência, ou porque estão em pulgas para entrar na escola, ou porque não querem que as férias acabem, por vezes andamos mais chatos do que os próprios rebentos. Deixem a coisa ir naturalmente.. 

 

 

Desculpem a ortografia, sei que me faltam acentos, e aos mais atentos até podem encontrar erros. Opá não stressem, há coisas bem piores.

E bom regresso às aulas para os pequenos! Mais um ano cheio de aventuras pra eles.

 

 

 

Pág. 4/4