Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MãeTástica

Tenho 2 filhos com 1 ano de diferença entre eles. Sou mãe, dona de casa e neste cantinho conto as peripécias reais de uma família normal. Entrem comigo nesta aventura

MãeTástica

Tenho 2 filhos com 1 ano de diferença entre eles. Sou mãe, dona de casa e neste cantinho conto as peripécias reais de uma família normal. Entrem comigo nesta aventura

As donas de casa não fazem nada.


29214f2e82d4edeb5dacb13807cf6070.jpg

(Imagem do Pinterest)

 

Levantar

15minutos para mim( higiene, vestir bla bla)

Preparar o pequeno almoço

Acordar os miudos

Vestir os miúdos( primeira birra da manhã) 

Dar o pequeno almoço (dizer para comerem umas 50vezes)

Meter a tropa a lavar os dentes

Pentear (trancinhas e poupinhas)

Meter os miúdos a ver bonecos

10 minutos a arrumar tudo o que conseguir, por roupa a lavar.

Sair de casa 

Ir apanhar o autocarro

Levar o miúdo a escola

Vir com a miúda para casa(passar pelas compras)

Preparar tudo porque esta a chegar o marido.(ele entra às 5.30 por isso a almoço dele é por volta das 9/10)

Começar a arrumar a casa, lavar a loica, preparar o almoço. Tirar a roupa e estender.

Segunda birra da Matilde porque quer ir para a rua brincar!

Almoçar. 

Arrumar a cozinha.

Dar atenção á rapariga

Ir buscar o rapaz, com a miúda atrás e mais uma birra(tá calor, tá frio, to cansada, doi-me as pernas) 

Trazer o rapaz e a rapariga para casa( tá calor, tá frio, nunca mais chegamos, podemos fazer uma pausa no meio do caminho??? Doi-me as pernas) 

Chegamos

Dar o lanche a todos, fazer para o marido e para mim também que ele está a chegar por volta das 16h.

Mais uma discusao da Tidi (não quero comeeeer) ou do Kiko ( to cheio de FOME de bolachas)

Entreter os miúdos com alguma coisa

Preparar o jantar

Ver se eles ainda não se mataram porque ja estão a gritar.

Estar 5 minutos com o maridão

Ir avisar que não se dá cambalhotas e pulos na cama.

Apanhar a roupa, dividir, mais 15min a limpar alguma coisa.

Limpar o rasto de destruição que os miúdos fizeram com Legos e miniaturas de sei lá quantos bonequinhos.(eles ajudam). 

Ir dar-lhes banho. Mais uma aventura.

Vestir pentear bla bla

Acabar o jantar

Se for dia de jogar, jogam no tablet, senão fazem desenhos, pintam,fazem jogos!

Jantar 

Lavar dentes, fazer o xixi e beber a pinguinha de água.

Polos na cama

Ler uma história(inventar mais umas 2 ou 3)

Dizer até amanhã.

Desmaiar no sofá com o maridão.

 

Isto é RESUMIDO e um dia normal, sem ter que ir á escola de condução, ou sem ter que ir limpar a casa de uma senhora durante a tarde. Ou sem reuniões, consultas, compromissos, pagar contas, fazer contas, decidir o que comer o que vestir. 

7209829c4f98fddb0ffbbbf554de4e70.jpg

Se alguém quiser eu traduzo e tudo!

 

Dona de casa não faz ganha nada!

 

#vamoslimpar - Domingo


Vamos começar uma série de artigos sobre limpeza. 

 

20190216_205037_0000.png

 

Hoje vamos focar-nos no que devemos limpar todos os dias.  Tenho 4 pontos essenciais que têm de ser feitos diariamente para que a casa fique arrumada e para podermos passar ás tarefas que menos atenção. 

 

Normalmente ao Domingo é o "dia da folga" por isso só faço o essencial, estes 4 pontos.

 

As 4 principais tarefas diárias são :

1- Fazer as camas

2- Arrumar a cozinha

3- Arrumar as coisas fora do lugar 

4- Limpar o W.C

 

Vou começar pelo ponto 1.

Fazer as camas

Não faço a cama assim que acordo, admito que quando saio da cama abro tudo, cama e janelas. Faço isso também às camas dos miúdos. Depois do pequeno almoço, trato do assunto. Eu faço a minha e os miúdos fazem as camas deles. 

O quarto fica logo com outro ar, mais arrumadinho, e em 5 minutos essa tarefa fica feita. O que é um bom motivo para fazer porque não demora muito tempo.

 

2- Arrumar a cozinha.

Tento ao máximo ter tudo organizado, normalmente tudo cá em casa tem um sítio para ficar. Admito que esta tarefa é a que menos gosto pois quem em segue por aqui já sabe que tenho um problema crónico de perguicite aguda com a tarefa linda que se denomina "lavar a loiça". Mas este método consiste basicamente em ir arrumando conforme se for usando. A loiça lavo normalmente antes do jantar, depois do jantar varro ou lavo o chão e deixo a loiça para o dia seguinte. Depois de fazer as camas vou logo para a cozinha. Pensar no almoço e dar um "jeitinho" na loiça. 

Sei que podia fazer depois do jantar mas isso é hora de deitar os miúdos, lavar dentes, ler uma história..e depois deles irem dormir, só quero é mandar-me para o sofá.

 

3- Arrumar as coisas fora do lugar. 

Normalmente faço duas vezes por dia, antes do almoço e antes do jantar. É super fácil, tiro 7/10 minutos para passar em todas as divisões da casa e apanhar tudo o que estiver fora do sitio. Bonecada, folhas, roupa. Neste bocadinho de tempo, não dobro a roupa, é mesmo apenas e so para por no lugar, e se houver mesmo roupa, basta por  em cima da nossa caminha já feita

 

4- Limpar o W.C.

Bem esta tarefa é a mais fácil de todas. Não é para limpar a fundo todos os cantinhos. Tenho dois panos e desinfectante sempre no armário da casa de banho. Antes de ir dormir, aquando da higiene diaria, borrifo bem o tampo da sanita com desinfectante, limpo o lavatório e a sanita (sempre com panos diferentes). Isto dá-me a certeza que amanhã de manhã estará tudo limpo para quando acordar-mos, e fica um cheirinho que perdura.  

 

Estes são os meus 4 essenciais de todos os dias. 

E por aí? Alguém com dicas para os 4 essenciais? Como fazem vocês?

Não se esqueçam de subscrever para não perderem pitada do que aí vem da semana do #vamoslimpar.

 

Não percam amanhã. - o que fazer para começar bem a semana. Limpeza semanal de segunda feira. Assim podemos todos fazer. 

Boas limpezas.

 

 

Update #tabaconuncamais


Ora cá vou eu para o balanço destes 15 dias sem tabaco. 

Muitas respirações depois, um bocadinho de mudanças de humor e vontades de bater em pessoas acho que estou a portar-se muito bem. Mas hoje.... Hoje tive uma recaída. Peço desculpa a quem estava a apoiar a minha longa jornada mas hoje fui fraca. O meu homem ainda não parou. Está aos poucos a reduzir e eu tenho feito um esforço enorme para desaparecer do lugar onde ele está a fumar. 

Para começar bem o mês fui comprar NiQuitin para o mais que tudo. Ele está com vontade de parar e hoje fez uma despedida do cigarro. Fizemos uns aperitivos, uma cervejinha para acompanhar e no maço estavam 2 cigarros.

Foi a morte do artista, um cigarro hoje para cada um para a despedida oficial. Sinceramente não me sinto muito mal, eu já percebi que consigo e daqui para a frente vai ser muito mais fácil pois ele diz que não vai comprar mais. Mas senti-me mal assim que acendi o raio do cigarro, e o sabor já não era o mesmo. Penso que será o cérebro também a rejeitar a ideia. 

Tive 15 dias complicados. A primeira semana foi um tormento. Inventava coisas para fazer e por sinal a minha casa tem estado num brinco, até a loiça tenho lavado. Comecei a meditar mais, tenho feito yoga, e nos últimos dias já não ando tão cansada. 

Pela recaída vou começar a contar de novo, fumei um cigarro, também não é assim tão grave, mas estou super confiante com este novo processo. Agora tenho uma companhia para a minha luta contra este sacana que é o tabaco. Ele vai usar os NiQuitin com a moderação que conseguir, eu continuarei "ao natural".

Obrigada por todas as mensagens de apoio e dicas importantes que ando a seguir conforme posso. 

Os meus truques são: limpar, limpar, limpar. Brincar com os miúdos distrai muito, ter sempre pastilhas ou alguns frutos secos. 

P.S: dá muita fome, estou a prever que daqui a 3 meses tenho que entrar numa dieta e comprar roupa que me sirva.

Como organizar o nosso dia


O nosso dia chega a ser esmagador com tantas coisas em que pensar e o tanto que temos para fazer. Um dia tem 24h mas lá no fundo em alguma altura da vida já todos pensámos que queríamos um dia com mais umas horinhas extra.

fg.jpg

 (imagem retirada do google)

 

O problema também pode ser perguicite aguda e isso já é mais difícil de resolver mas agora parece que queremos fazer mais do nosso dia, andamos numa onda mais zen e queremos aprender a aproveitar mais do nosso tempo para não nos sentirmos "misgalhados" como diz o Kiko.

Então vamos ao que importa. Só dizer que as ideias não estão por ordem cronológica e o que se pode retirar daqui é que o que funciona para uns pode não fazer efeito para outros, mas podem sempre tirar umas ideias para se sentirem menos "tenho tanto para fazer e tão pouco tempo"

Organizar, organizar e organizar.

O melhor que se pode fazer e que vai ajudar no dia seguinte a não nos sentirmos perdidos é, antes de dormir fazer uma lista de coisas que têm para fazer ao longo do dia seguinte. Mas sejam realistas, o dia só tem 24 horas certo? O truque é pesar os assuntos numa balança imaginária. Será mesmo importante? Preciso mesmo de comprar batatas? Tenho mesmo que revelar as fotografias amanha ou esta semana? Tenho tempo ou pode ficar para outro dia? Mas não me posso esquecer de levar a autorização do passeio do filho ou de passar na loja para trocar aquela peça de roupa.

Não façam uma lista com coisas irrealistas. O truque é escrever 3 coisas super importantes para fazer amanhã e 2 no espaço "se tiver tempo".

Importante também é começar a separar por blocos os nossos afazeres. Com o método GTD "get things done" aprendi que se eu recebo uma tarefa tenho que pensar nela. Demora mais do que 5 minutos? É para fazer a longo prazo ou tem uma data definida? Importante ou não?  Assim posso separar por categorias. Se demorar menos que 5 minutos tento fazer no preciso momento e assim não entra na lista, depois é só encaixar as tarefas nos locais certos e ir cumprindo o que nos é proposto

 

Focar

Deve-mo-nos focar nas actividades que estamos a fazer para absorver o melhor do momento. Se a nossa tarefa é dobrar a roupa, vamos estar a dobrar roupa. Não vale estar nas redes sociais por exemplo, senão em vez de nos focarmos na tarefa e ela demorar 30 minutos, vai demorar o dobro do tempo e provavelmente não a acabamos porque temos outras coisas para fazer. 

 

Usar um timer

Utilizo a técnica dos 30 minutos. Para quem não conhece podem procurar por Pomodoro Technique. Eu adaptei ao que eu preciso no meu dia a dia então tiro 30 minutos de manhã á tarde e á noite e nesse tempo faço o máximo que consigo. A.queles 30 minutos servem para arrumar coisas fora do sitio, limpar a casa de banho, ir arrumar a cozinha....e claro, nunca esquecendo o principio de cima, temos que nos focar no tempo gasto.

 

Desligar e priorizar

Desligar-mo-nos um pouco das coisas que nos fazem " perder tempo". Sim, podemos tirar um momento do dia para ver e responder a emails, ir ver se o tio ou a prima estão felizes nas suas férias ás Caraíbas, ver o que a amiga fez com os filhos no fim de semana...mas não façam isso logo pela manhã. Desliguem-se um pouco.

Comecem logo o dia com algo que melhore o vosso bem estar. Seja meditar, seja beber um chá, seja apenas estar a janela a ver o sol e ouvir os passarinhos, aproveitem para preparar um pequeno almoço mais reforçado. Aquele tempo perdido de manhã das pessoas que assim que acordam pegam no telemóvel para cuscar redes sociais é um tempo morto para nós e para o nosso querido cérebro. Acordem-no com coisas mais felizes. Podem tirar um bocadinho da vossa pausa para fazer essas coisas menos " interessantes".

No meio deste assunto da produtividade, aceitem que o dia não estica e que não conseguem fazer tudo. Esqueçam a culpa. Façam mesmo o que é mais importante. Priorizar meus filhos, priorizar! Nos momentos de espera na fila do banco, quando estamos á espera que os miúdos saiam da escola, tentem por exemplo ver os tais emails, ir cuscar o facebook ou ler os meus posts :)

 

Fazer escolhas. 

Tenham na vida apenas o que vos fizer felizes ou que dê alegria e brilho ás vossas vidas.

Aqui falo do método kon mari. Para quem não conhece é sobre uma senhora japonesa que na sua filosofia de vida, diz que só precisamos de ter o que realmente nos faz falta. O truque é destralhar, destralhar a casa, destralhar a cabeça. Se precisamos muito, se adoramos, a peça fica, se a tal peça nos suscita dúvidas..adios. E assim começar também a pensar em compras mais responsáveis, sem comprar por impulso.

Isto também se pode aplicar a pessoas, tenham na vossa vida apenas aqueles que precisam. 

 

Horários

Em aplicações ou em papel tanto faz. Um horário definido para o nosso dia a dia faz com que tenhamos a sensação de controlo sobre o tempo. Para quem é uma control freak como eu, ajuda muito não termos um mini ataque de coração e não nos obrigue a fazer flick flacks durante o dia. Uma boa maneira de começar a fazer um horário é pela noite. A que horas é que me deito para acordar no dia seguinte e saber que dormi o suficiente? Sabendo que temos que dormir pelo menos 7-8 horas é fácil ver que, se acordo ás 7h o ideal era ir dormir ás 23h. Depois comecem por ai. Querem 1h para se arranjarem antes de ir trabalhar? Precisam de mais ou de menos?

O próximo passo é encaixar os horários das refeições, importantissimo. Depois o horário de trabalho.

No fim do dia é importante ter 30 min ou 1h só para nós.

Como sabem eu tenho o meu colado no frigorífico para ir vendo o que se vai passar a seguir e para encaixar as minhas tarefas no sitio certo e não atafulhar com coisas menos importantes.

 

Espero que com isto possam viver as 24h do dia com um bocadinho de menos stress. 

Claro que nem todos os dias correm bem, há dias que, mesmo eu, sinto que não consegui fazer tudo o que queria mas sabem uma coisa? Guilty free pessoal. Não fiz hoje, posso fazer amanhã. 

Muita calma e mais amor!

 

 

Deixar de fumar #tabaconuncamais


Amanhã é que é! Passo os dias a dizer isto. 

Fui ver as minhas resoluções de 2018 e está lá estampado "Deixar de Fumar"

Fui ver as resoluções de 2017, de 2016... Caiu uma ficha, sou uma desistente.

Há um ano deixei de fumar, tive um mês e meio sem fumar. O marido fumava aqueles electrónicos e como eu não gostava daquilo não fumei mais. Se ele não comprava eu passava ao lado.

Mas ele comprou, e ver ali o maço de tabaco a olhar para mim, a minha cabeça a dar nós, eu queria tanto...Pumba, desisti, acendi um cigarro e não parei. Desde aí que tem sido difícil controlar outra vez.

Fumo 5-6 cigarros por dia, mas não quero. Acordo de manhã e penso, "é hoje, hoje não fumo" ele chega a casa, bebe um café, puxa do cigarro e lá vou eu. Ás vezes acendo e dps penso "Fgo já não é hoje, perdi-me outra vez". 

Fumo já com um sentimento de culpa. Só fumo na janela, não intoxico a casa toda mas se os miúdos chamam eu digo pra esperarem só um bocadinho. E sinto-me mal depois disso. Estou a por um cigarro á frente deles?

Já cheguei a ir dar um beijinho de boa noite á Matilde e ela disse que eu cheirava mal, cheirava a cigarro. 

Devia de ser um abre olhos para não fumar mais. 

A minha tia de quase 90 anos viu-me a fumar e ficou triste. Quando cheguei a casa ela ligou-me e deu-me um raspanete. " Só me apeteceu dar-te umas palmadas". Um tio ou primo lá da terra ficou muito mal no hospital porque fumava. E eu ando a fumar, não tenho juízo. 

É desta.. De amanhã não passa.

Prometi a mim mesma e pelos meus filhos que desta vez faço um esforço maior do que o normal.

E estou a contar isto no blog porque acho que é mais uma maneira de me responsabilizar pelo que estou a dizer. Assim eu vou conseguir, não quero desiludir os meus filhos, não quero cheirar mal, não quero que eles se lembrem de mim com um cigarro na boca. E estar a escrever isto, torna-se ainda mais consciente, e parece que torna tudo mais poderoso. Assim as palavras nao são só "da boca para fora", está documentado.

Preciso de uma força extra mas vou combater o vício, nem que me vicie em amendoins, rebuçados e pastilhas. I DON'T CARE.

Já não é hoje porque já cai na tentação mas amanhã é segunda feira, começo da semana, da semana do meu aniversário. E vou chegar aos 29 sem nicotina dentro de mim. 

O que me ajudava mesmo era um grupo de apoio...mas sozinha sou forte também.

Amanhã é que é! E prometo vir contar novidades sobre o assunto e espero mesmo que nestes dias/meses próximos passe a ser um NÃO-ASSUNTO.

#tabaconuncamais quem quiser pode-se juntar ao movimento, porque não? Não perdem nada, só ganham. Eu vou ganhar.

Desculpem o desabafo :)

Eu consigo!